01 julho 2008

Agradecimento ao jornalista Gustavo Teixeira de Miranda, do Estadão de São Paulo

Este post tem a finalidade de agradecer ao Jornalista Gustavo Teixeira de Miranda do jornal o Estadão de São Paulo, que logo ao tomar conhecimento do fechamento da site www.pedofilia-nao.inf.br prontificou-se em ajudar a esclarecer os fatos e hoje enviou-me um email (coloquei mais abaixo o texto) no qual ele explica a conversa que teve diretamente com o Procurador da República Sergio Gardenghi Suiama.
Na realidade, eu nunca esperei receber nenhum agradecimento pelo trabalho feito gratuitamente à população, e quando a gente é confrontado com um ofício do MP diante dos nossos olhos o espanto acaba gerando um agravo de interpretação. Em contrapartida eu vou esperar o pronunciamento do Ministério Público de Goiânia para reabrir o site.
Abaixo o email recebido do referido jornalista :
Sra. Alda
Falei com o promotor que enviou a solicitação para a senhora e ele afirma que a solicitação/sugestão que foi feita à senhora não determina uma infração à lei. Ele afirmou que a sugestão faz parte de uma tendência mundial de centralizar denúncias de pedofilia em uma 'hot-line' ou central única de denúncias. Segundo ele, o ideal seria que o seu site desse link direto para esse canal de denúncias (há um convênio entre o Ministério Público e a Safernet). O juridiquês empregado no documento faz crer que as coisas seriam mais graves do que são. Na verdade, ele sugere que a senhora engrosse o coro dos que denunciam em convênio com a Safernet - o que a senhora não é obrigada a fazer.

Agradeço de coração ao interesse do Jornal Estadão de São Paulo e de seu Jornalista Gustavo Teixeira de Miranda. Com estes anjos do nosso lado nada devemos temer.

DIGAM NÃO À PEDOFILIA, PELO AMOR DE DEUS, LUTEM !

Por Alda Inacio
Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.