16 outubro 2008

Senador Americano abre processo contra Deus.

Esta notícia foi publicada pela Globo e pode até parecer mentira: o Senador Americano Ernie Chambers abriu um processo contra Deus para acusá-lo da morte de milhares de pessoas nos furacões, terremotos e tornados criados por Ele. Este Senador abriu o processo na cidade de Douglas USA dizendo que podia abrir ali, ou em qualquer outra parte do mundo, pois Deus está em todo o lugar. O processo está pra se extinguir porque a Corte não tem como fazer uma notificação a Deus, por não saber seu endereço. Finalmente, o própio Senador chegou à conclusão de que Deus foi notificado, porque ele é onisciente.

Crítica :

Você deve estar pensando : "só os Americanos para praticarem tal infantilidade" não é mesmo? Pois para mim, a questão é clara. A morte está para a vida assim como a vida está para a morte. A dualidade se completa. Não há morte sem vida, nem vida sem morte e tanto faz morrer num terremoto, ou num acidente de carro, ou com enfarte sentado no sofá da sala. Deus criou o ciclo da vida e não pode ser acusado por usar a morte. E se você é cepticista, fica sempre sobre o muro sem tomar decisões nas questões metafísicas, saiba que ser naif acaba neste tipo de situação, como a do Senador Chambers. E veja lá que somos o super homem em Nietzsche, conforme as palavras de seu personagem Zaratrusta. Enfim, somos Super criativos. Barbaridade ! Inventamos tudo mas não conseguimos compreender o elementar, de onde viemos, para onde vamos....e no fundo de nós mesmos, tememos a Deus mais do que o amamos. E nos distanciamos Dele cada vez mais, por ignorância, infantilidade...falta de interesse?

Por Alda Inacio

Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.