16 janeiro 2009

Chinesa de 107 anos vai procurar um marido

Quando li esta notícia no G1 resolvi fazer reflexão da minha vida e depois de muito refletir condeno sua atitude minha querida vovozinha chinesa. Imagina o que você vai perder? Vai perder a liberdade e vai arrumar sarna para se coçar. Faça isto não linda vovó. Não há coisa mais deliciosa na vida do que a solidão escolhida e depois considere o seguinte: você não tem alguém roncando ao seu lado a noite inteira, não precisa dormir com o nariz fora da coberta para não sentir o chulé do marido, não vai encontrar toalha molhada sobre a cama e nem vai ter que aguentar sogra. Aliás, este particular então (sogra) deus nos livre delas. Não é que são más, elas são possessivas e querem o melhor para os filhos e nora nenhuma no mundo é boa. Vovozinha, você é feliz minha bela! Deixa esta idéia de casamento de lado.

Olha eu aqui : casamento nunca mais ! Depois de 23 anos casada, 14 anos divorciada e missão cumprida, não voltaria a fazê-lo nem por todo ouro do mundo! A convivência marital é muito complicada. Tenha paciência minha filha; pensa um pouquinho mais, enfim com 107 anos você ainda tem muito tempo pra decidir; vai devagar, não tenha pressa viu? Você vai chegar a conclusão que homem é bom como amigo, tio, pai, irmão....o resto é só ilusão!

Por Alda Inacio
Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.