12 dezembro 2009

Ex aluna da Uniban pede indenização de um milhão

Gente, que tema legal para incentivo cultural e atos de justiça, bah tchê! A aluninha docinha e comportada chamada Geyse da Uniban acionou os advogados para defendê-la da agressão moral que sofreu dentro da universidade e meteu um processo de danos morais. Só que não era a universidade quem axincalhava e gritava aquelas palavras maravilhosas para ela no dia da sua aparição de vestido sanfona acima da virilha. E tem vídeos que mostram isto. O vestidinho modular, sobe e desce é um vestidinho safado. Ele foi usado para provocar baderna. Na televisão ela colocou o vestido onde se deve. Me engana que eu gosto!

Imaginas  guri, que conselho legal vou deixar aqui: a partir de hoje TODAS as estudantes universitárias estão convocadas a usar um vestido sanfonado vermelho, e colocar bem na virilha. Aguarda o auê e depois tasca a universidade na justiça e arranca um milhão.  Se uma pode, por que as outras alunas não podem?

Vamos lá rapazes também, vamos inventar a calça sanfonada, sobe e desce. Ora bolas! Se as moças podem mostrar até o umbigo, por que os rapazes não podem? Vamos ir todo mundo para a universidade vestido para festa pornô. Depois é só esperar o auê dos colegas, arrumar os advogados, meter a universidade na justiça e receber a grana. Uebaaaaa!

Afinal, vê-se claramente que  dinheiro vale mais do que dignidade.

Nenhum comentário:

Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.