27 março 2016

O maior de todos os mandamentos


Mateus 22:37
Ao ouvirem dizer que Jesus havia deixado os saduceus sem resposta, os fariseus se reuniram. Um deles, perito na lei, o pôs à prova com esta pergunta: "Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?" Respondeu Jesus: " 'Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento'.Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: 'Ame o seu próximo como a si mesmo'. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas".

Quando lemos o texto acima aplicamos ao nosso jeito de amar simples como um sentimento espontâneo que nasce no coração e isto pode se aplicar aos seres humanos mas não pode se aplicar a Deus. O amor do homem para com Deus não vem de um olhar, de uma apresentação física. O amor entre os seres humanos sim. Você vê uma pessoa e passa a amá-la e Deus quando é que você viu? Neste caso como é que eu posso amar algo que eu nunca vi, só ouvi falar?  

É um tipo de amor diferente e posso afirmar mais: se chegamos a amar a Deus é porque ele nos amou primeiro. Então aí fica mais fácil de entender quando percebemos que Deus nos fez, portanto nos conhece  muito bem e para Ele é fácil amar aquilo que conhece. Esta é a parte de Deus para conosco. Mas uma parte só amando que amor é este? Só Deus amando e nós nada? Aí vem a parte misteriosa: Ele criou toda uma complexa estrutura para se fazer conhecer e se fazer presente em nosso coração. Olha que coisa maravilhosa.

Como eu posso conhecer a Deus? Resposta: lendo a Bíblia. E nesta leitura você vai pouco a pouco conhecendo como Deus age, como Ele é, o que deseja de nós, o que nos oferece e no fim de algum tempo você se apaixona por Ele.

Por que o maior de todos os mandamentos é a OBEDIÊNCIA?

Não é uma relação muito simples esta nossa para com Deus. Ele é um ser exigente. Amá-lo significa obedecer tudo que Ele ordenou em cada página da Bíblia. Comece olhando o texto de Gênesis, ali esta o primeiro sinal da obediência que ele exigiu dos homens: "não coma do fruto da árvore proibida". 


Para ter perdão dos seus pecados você precisa saber perdoar. Olha aí a ordem de Deus: perdoar. Para ter o céu após sua morte, você precisa aceitar Jesus.  Olha aí outra ordem de Deus: aceitar Jesus em sua vida. Você precisa confessar Jesus como seu único Salvador. Deixar de lado outros cultos comuns aos seres humanos, como culto a imagens, culto a outras religiões. Olha aí a ordem a ser obedecida. Você precisa obedecer, caso não obedeça não terá o céu. Não se engane dizendo "eu não matei, não fiz nada de errado, com certeza eu vou para o céu". Engano seu. Sem obediência a cada vírgula do que Ele falou e pediu você não vai obter o céu. O fato de estar frequentando uma igreja não dará direito de céu a ninguém; o batismo e após ele você vira as costas para a obediência e continua no pecado, não lhe dará direito ao céu. 

Obediência começa pelo reconhecimento do "eu sou pecador". Em seguida vem o arrependimento dos pecados e leveza de alma e então se abre teu coração para o amor incondicional a Deus. É a plenitude da vida cristã alcançar esta troca de amor, onde Deus amou primeiro e pela obediência, que você aplicou sobre tudo que ele pediu, foi liberado o teu coração para amá-lo  plenamente. Não é um amor de obrigação, não confunda, é uma consequência. O teu amor para com Deus é uma consequência do amor de Deus para contigo. E como o segundo grande mandamento é amar ao outro como a ti mesmo, veja como se encaixa o que Deus espera de nós por meio da obediência. 


 João 4 versículo 12: Ninguém jamais viu a Deus; se nos amamos uns aos outros, Deus está em nós, e em nós é perfeito o seu amor.

Por isto, a partir da obediência, o amor é o vínculo da perfeição.

Por Alda Inacio
Postar um comentário
Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.