24 dezembro 2014

O nascimento de Jesus é cumprimento de promessa

Quando o Senhor Deus criou o mundo ele previu tudo o que iria acontecer, desde a desobediência do homem, passando pela nossas desobediências de hoje, as minhas, as suas, tudo Deus previu. Ele sabia que não podia confiar nos homens, enfim, mesmo uma boa parte dos anjos acabaram fora da confiança de Deus, quando resolveram apoiar Lúcifer e foram jogados do céu junto com ele. Deus conhece tudo de antemão, isto é, antes de acontecer, e Deus tem suas metas, objetivos a alcançar  desde a criação, pois Deus vê o futuro com a qualidade de onisciente que ele tem, e vendo tudo que ia acontecer prometeu lá nos primórdios da civilização o nascimento de Jesus.

Deus deu o seu filho unigênito, Jesus Cristo, para vir ao mundo e morrer por nós numa cruz e assim como a promessa foi cultivada e aguardada por todos aqueles que viveram antes da vinda de Jesus, assim nós hoje aguardamos a nova promessa que é a volta de Jesus para buscar a sua igreja.

As promessas de Deus são verdadeiras e nelas nós podemos confiar, mesmo que soe a nossos ouvidos meio esquisito, é assim que soa nos ouvidos dos incrédulos quando falamos que Jesus voltará. Não é para eles a promessa, é para nós os seguidores de Jesus, os escolhidos pelo Pai e presenteados a Jesus. 

A igreja que hoje é formada por crentes de diversas denominações, é esta a noiva de Jesus a esperar confiante a sua volta. Sabemos que Deus não deixa jamais de cumprir suas promessas e a fé é o instrumento que Deus plantou  no coração do homem para que ele confiasse no seu Deus. Por meio da fé podemos afirmar seguramente que Deus cumpre suas promessas e assim sendo, em breve Jesus voltará.

Este Natal simbólico representa o nascimento de Cristo e com alegria damos glória a Deus pela sua bondade de ter dado seu filho por resgate dos que nele crêm. Deus cumpre suas promessas, Deus é maravilhoso.

Feliz Natal para todos.

Por Alda Inácio


Nenhum comentário:

Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.