04 novembro 2009

Jogo do foulard, jogo da morte

Está acontecendo aqui na Europa um tipo de brincadeira que começa nas ecolas e se estende para os lares e consiste em colocar um foulard,  saco plástico, ou corda no pescoço e apertar até quase perder os sentidos. A intenção desta brincadeira é sentir sensações violentas. No entanto o que choca é a idade dos  adeptos deste jogo,  na maioria  entre 9 a 14 anos, isto é, crianças inocentes e  ingênuas na flor da infância. O resultado é que dentre elas, algumas encontram a morte por estrangulamento, outras ficam com sequelas graves e isto está tornando-se um verdadeiro pânico nas famílias. Este jogo pode variar de nome segundo a região, pode chamar-se: cosmos, été indien, rêve bleu, etc.
Na França  fala-se em 10 mortes e aqui na Bélgica tem acontecido uma por mês. Recentemente dois garotinhos,  um de 9 anos foi encontrado morto na  cama, outro mais recente na cidade de Toernich, em Luxemburgo,  Victor Martin, 14 ans.
Muitos  casos acontecem nas escolas, onde a brincadeira ocorre em grupo, como um tipo de iniciação. Os colegas formam grupos e cada um quer mostrar que suporta o estrangulamento mais tempo que os outros.
Muito triste a vida sem sentido que vivem os jovens de hoje. Não seria culpa dos pais, por  criar jovens sem temor a Deus, sem apego real a algo positivo?
Alda Inacio

Minha luta contra a pedofilia!

Nenhum comentário:

Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.