10 maio 2020

O medo na pandemia


Eu tenho analisado a reação das pessoas na pandemia e comparado com o dia do arrebatamento. O que deduzi foi espantoso. No momento atual o vírus uniu as pessoas em práticas comuns e nem tanto. Há aqueles que teimam em contrariar a ciência e se expor, desafiando a morte, e pior, tem crentes no meio disso desafiando a Deus. eu vejo pastores indo contra a quarentena, querendo abrir igrejas, como se Deus não estivesse na casa de cada um de nós, cuidado e presente o tempo integral.

Dizer que nós não devemos temer o contágio porque Deus nos protege chega a ser heresia, é um desafio a Deus. O Senhor está conosco, porém cada um de nós tem sua cruz a carregar. Nossos problemas, nossas doenças e a morte. Deus não vai nos livrar da morte, nos livrará sim da morte eterna o que é bem mais fácil de entender. Morrer na carne todos nós vamos morrer, mas tendo aceito Cristo em vida, estaremos salvos para viver a eternidade, portanto livres da morte eterna.

Te medo de pegar o vírus todos nós temos, porém não podemos ter pavor, crise de histeria como tantos estão e chegam até ao suicídio. filho de Deus, salvo e ungido jamais se suicida. então o que fazer nestes momentos de tensão que o mundo passa com a pandemia? simples assim, confiar em Deus e deixar que ele decida o que será de nós. O pai atende nossos pedidos e temos que pedir, proteção, a nós, a nossos filhos e com certeza Deus nos livrará de todo o mal. Não tenha medo, apesar de medo ser um sinal positivo se bem controlado. Tendo medo equilibrado, evitamos nos expor e assim mostramos a Deus que queremos dele a proteção em relação ao imprevisível. Precisamos sair, fazer compras e nos expomos com estas saídas. Ao nos expor ficamos a mercê do imprevisível. Nesse momento temos que ter confiança que Deus está do nosso lado. Ele nos livrará dos imprevistos.

Fique bem, se cuide, ore por você e por todos que você puder orar.
Fique na paz do Senhor. Tudo vai passar.
Deus lhe abençoe.

Por Alda Inácio

Nenhum comentário:

Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre!