04 março 2008

Funcionária pública roubou 800 mil "para ser aceita na sociedade"

Pessoal, uma funcionária pública "sabichona" lá do nosso Goiás é manchete dos jornais, pois estava roubando o Ibama e foi descoberta, claro ! Ela roubou, dia após dia, mais de 800 mil reais e disse, a coitadinha, que não tem mais nenhum centavo do dinheiro que roubou, pois gastou tudinho em estética pessoal, com intenções de ser bem aceita pela sociedade.
Gente ! Estas foram as palavras desta ladra confessa que se chama Marina de Fátima Piau. Ai, ai, ai, burríssima mulher ! Qual o que? E para ser aceita nesta sociedade capitalista e caótica da atualidade precisa mudar a estética gastando o dinheiro público, roubando deste jeito? Você está muito enganada e eu vejo que você tem uma visão um pouco esquisofrênica da vida, minha filha. Digo aqui no teu ouvido: bota pra quebrar, rasga o verbo, solta as frangas, como eu faço aqui no blog e esta sociedade vai te reconhecer como "aquela que cacarejava no blog" e viva ! É isto que interessa ! Manda esta sociedade se lixar minha filha ! Mostra dignidade ! Mostra lucidez ! Mostra honestidade que assim, pode ser que esta sociedade, a qual você se refere no seu depoimento, se imende e aprenda alguma coisa com os cacarejos seus.
Eu não mudo uma pena das minhas asinhas para satisfazer a sociedade, ou seja lá quem for, antes porém, desejo ser o algoz desta deturpada sociedade, para a qual eu estou me lixando se sou ou não sou bem vista.
Como é possível que pessoas assim existam, cheias de complexo de inferioridade, tentando justificar o bem praticando o mal, para ser bem aceita ? Viu só como você foi bem aceita? Agora você será muito bem aceita vendo o sol nascer quadrado minha querida. Que peninha ! Esta mesma sociedade vai julgar e condenar a tonta que você é.
Desculpa aí o desabafo pessoal, mas tem lógica uma coisa destas?
Por Alda Inacio
Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.